Bits to Brands #97 | ⏳ O maravilhoso mundo do Twitter

Tempo de leitura: 5 minutos

Estamos de férias. O que significa que você vai receber e-mails toda semana, mas ao melhor estilo "reprise", visitaremos edições clássicas dos últimos anos de newsletter. Sempre que tiver uma ampulheta no assunto do e-mail, voltaremos no tempo por aqui.

Para quem nunca leu, espero que aproveitem pela primeira vez os textos escolhidos. Para quem já estava por aqui, espero que gostem de revisitar essas ideias. Logo logo, voltamos com conteúdo original.

_

Esse texto foi publicado na edição #17 da Bits to Brands, em setembro de 2018.

Quase dois anos se passaram e o Twitter segue minha rede social favorita. Confesso que o TikTok anda perigosamente no páreo, mas esse é assunto para um outro artigo.

O de hoje é sobre as particularidades do (meu país) Twitter, e o que faz dessa plataforma tão relevante. Até hoje, é lá que as coisas acontecem "primeiro" e ainda é o trending topics que pauta muitos dos nossos assuntos.

De todas as redes sociais, acredito que o Twitter é o lugar para se estar. Inclusive, ao final do artigo, dou dicas de como começar por lá e listo algumas contas para você seguir e construir sua timeline - ou complementá-la :)

_

Diversos fatores (de algorítmos a Cambridge Analytica) fizeram com que o Facebook perdesse muita audiência. Isso nos deixou com o seguinte cenário:

- Para o Instagram, migraram os anunciantes. Publiposts, stories patrocinados, perfis comerciais, "arrasta pra cima, meninas".. You name it. E quanto mais conteúdo comercial, mais artificial fica a rede que um dia já foi sobre #bestfriends #love #forever, ou pratos de sushi com filtro sépia.

- Para o LinkedIn foram os textões de superação pessoal e os "coaches". Pode fazer o teste e passar pela sua timeline, que em menos de um minuto eu garanto que aparece alguém contando sobre o que aprendeu ao sair do emprego dos sonhos e empreender, ou uma variação disso.

- No próprio Facebook, ficou a família. Pais, tios, primos, avós.. Compartilhando resultados de testes de personalidade, ou fazendo textão sobre política.

O que nos traz ao Twitter. Que em meio ao furacão, é a rede social onde sobrou a maior autenticidade.

Inspirada por histórias que viralizaram na época e pela utilidade que essa ferramenta tem tido no meu processo de curadoria, quero mostrar como e por que essa é a rede social que gera o melhor conteúdo atualmente.

Tem um panorama das redes sociais, os diferenciais da plataforma, os últimos acontecimentos que provam a relevância do conteúdo gerado lá AAND uma lista das melhores arrobas para seguir nos universos de marca, tecnologia e entretenimento.

É para entender como funciona, rir com as threads que fizeram sucesso e construir uma timeline para interagir e se atualizar.

Tudo isso, no nosso Medium, onde você pode deixar até 50 palminhas de uma vez, e também compartilhar o link. No seu Twitter, talvez? :)

Leia o artigo clicando aqui nesse link, ou na imagem abaixo.

Vale destacar que os exemplos do artigo são de 2018, mas foram cases muito legais de relembrar, então fiz questão de deixar como estavam.
E que eu sigo todas aquelas pessoas no Twitter até hoje.

Aliás, estamos de férias na news, mas sempre tirando um tempinho pra jogar conversa fora por lá, no @beatrizguarezi.
- Beatriz

~ compartilhe essa newsletter ~

que segue entregando conteúdo relevante toda semana, diretamente na sua caixa de entrada,
DE GRAÇA.
e está sempre trabalhando para melhorar ♡

"Ih, lá vem ela com essa pesquisa de novo"

Sim. De novo. To aqui.

Se não fosse muito importante, eu juro que não estaria. E é MUITO IMPORTANTE.

A essas horas, quem é super engajado provavelmente já respondeu (melhores pessoas). Mas não dá para planejar os próximos passos pensando só em quem ama a Bits. É preciso ouvir também quem tem suas ressalvas, quem não costuma responder esse tipo de coisa, quem a princípio acha que não tem 2 minutos pra responder uma pesquisa..

Essas opiniões vão fazer muita diferença. E vão ser devidamente compensadas com uma newsletter melhor e menos enviesada para todos, e também conteúdo exclusivo para cada um que responder.

É só clicar aqui.

É rapidinho :)

está em busca de uma nova leitura?
tem livros de branding e marketing, tem biografias, desenvolvimento pessoal, ficção.
tem livros para todos os gostos, recomendados por mim e também por vocês.

todos os livros que já passaram pela Bits estão aqui, e a nossa estante coletiva está aqui.

como forma de contribuir ativamente para essa comunidade diversa e sempre antenada de mais de 7.000 profissionais, vamos passar a compartilhar vagas abertas por aqui.
se uma pessoa for recolocada graças a essa newsletter, já vai ter valido a pena.



Todas as vagas que chegaram até a Bits estão neste link.

Compartilhe para que aquele colega que está precisando possa encontrá-las.

dado o contexto, seguirei atualizando o link com todas as vagas que chegarem na caixa de entrada mesmo durante as férias.
se você tem vagas abertas e quer atrair gente boa e sempre ligada em novidades, pode mandar em beatriz@bitstobrands.com

Um espaço para conteúdo em outros formatos. Que nos últimos dois anos, também acumulamos bastante por aqui, graças a convites super especiais - que, aliás, são sempre bem-vindos :)

- Em formato de podcast:
1. Um debate com o pessoal do Brotherscast sobre as streaming wars - da época em que a Apple TV+ estava chegando, e a Disney+ era só um plano. É interessante perceber como várias questões que conversamos se desenrolaram até agora. Ouça aqui.

2. Novamente com o Brotherscast e dessa vez com o incrível Startup da Real, batemos um papo sobre newsletters. A do Star é paga, a minha é gratuita. Exploramos os diferentes modelos de negócios, processos criativos e o valor que essa plataforma tem criado para nós. Ouça aqui.

3. No Cultural Cast, falamos sobre Workism (ou "trabalhismo"), "a crença de que o trabalho não é apenas necessário para a economia, mas algo que se torna, cada vez mais, peça central da nossa identidade". Falei abertamente sobre a minha relação com o trabalho, a divisão de tempo entre o emprego e o projeto e aprendizados que a experiência (e muita terapia) trouxe. Ouça aqui.

- Em formato de palestra
Minha palestra no RD Summit 2019 sobre newsletter - seus diferenciais e dicas de como construir sua estratégia nesse formato - está disponível gratuitamente! É só se inscrever nesse link.

- Em formato de aula
1. Uma aula de 10 minutos sobre estratégia de produção de conteúdo por e-mail. Dicas práticas mesmo, para a comunidade da Moving Girls mas que podem ser úteis por aí também. Assista aqui.

2. Uma aula de 20 minutos a convite da Octadesk, sobre marcas na pandemia - estratégias e exemplos para inspirar novas ações. Assista aqui.

- Em formato de e-book
1. Glossário da Quarentena. 18 palavras que se tornaram parte do nosso dia a dia, e dizem muito sobre o mundo em que passamos a viver. Baixe .

2. Relatório de Tendências 2020. 6 grandes tendências mapeadas em fevereiro, que permanecem relevantes mesmo durante o tal ""novo normal"". Inclusive, todas elas têm tomado forma, seja na Mara (assistente virtual da AMARO) ou na briga entre XP e Itaú pela atenção dos investidores. Confira .

Se alguém te encaminhou essa newsletter e você quer receber direto na caixa de entrada toda semana, clique aqui: