Bits to Brands #96 | ⏳ A economia da ansiedade

Tempo de leitura: 6 minutos

Estamos de férias. O que significa que você vai receber e-mails toda semana, mas ao melhor estilo "reprise", visitaremos edições clássicas dos últimos anos de newsletter. Sempre que tiver uma ampulheta no assunto do e-mail, voltaremos no tempo por aqui.

Para quem nunca leu, espero que aproveitem pela primeira vez os textos escolhidos. Para quem já estava por aqui, espero que gostem de revisitar essas ideias. Logo logo, voltamos com conteúdo original.

_

Esse texto foi publicado na , em setembro de 2019, e tem uma história bem legal.

Falamos pela primeira vez da tal "economia da ansiedade" em maio daquele ano, a partir de um artigo da JWT. Aí, o pessoal da empresa de pesquisa MindMiners achou o que valia explorar o tema através de uma pesquisa com consumidores brasileiros.

Esta ideia levantada na Bits foi comprovada, através de dados de consumo e comportamento. E os dados foram divulgados pela MindMiners nesse artigo aqui, e transformados por mim no artigo que você vai ler (ou reler) a seguir.

Ainda sobre a repercussão do tema, pautamos até a coluna da shark Camila Farani na Gazeta do Povo, tornando este o nosso conteúdo que chegou mais longe. Por enquanto. ;)

_

Nesse ambiente que é para falar de marcas, tecnologia e comportamento, o tema que mais fez sucesso até hoje foi "A Economia da Ansiedade". E quem disse que isso não tem tudo a ver?

A partir de muita troca e com o expertise em pesquisa da MindMiners, nasce o artigo de hoje. Que vem para comprovar, daquele jeito fatos e dados que a gente gosta, como a ansiedade vem impactando os brasileiros, seu comportamento e consumo.

A ansiedade é, sim, parte do dia a dia das pessoas. Os seus agravantes podem, sim, parecer tão casuais quanto a busca por likes e o apego ao celular. E, guess what, as marcas são, sim, vistas como vilãs nessa história.

Leia o artigo completo aqui no Medium, ou clicando na imagem abaixo.

Compartilhe. Compartilhe esse artigo, compartilhe o estudo completo, jogue esse tema no papo do almoço, considere-o ao aprovar a próxima ação da sua marca.

Esta não é uma tendência de consumo a ser aproveitada. É um assunto extremamente pessoal pra muita gente, e que a gente precisa encarar de frente como profissionais. É uma questão real, e se a gente não se antecipar para estar do lado certo dela, estaremos sempre do lado errado. Façam boa leitura!

Isso tudo num mundo pré-pandemia. Agora vocês imaginem pós - o quanto nós não estamos caindo em infinitas armadilhas e promessas de paz de espírito, que na prática são mais consumo (seja de produtos, seja de conteúdo).
Nessas horas de fato parece que o "novo normal" é o normal de antes, exacerbado.

Essa é uma das edições das quais eu mais me orgulho. Espero que traga novas reflexões e ideias por aí, como fez por aqui.
- Beatriz

~ compartilhe essa newsletter ~

que segue entregando conteúdo relevante toda semana, diretamente na sua caixa de entrada,
DE GRAÇA.
e está sempre trabalhando para melhorar ♡

To vendo você que ainda não respondeu a nossa pesquisa ainda...

Juro que são poucas perguntas, que é rápido e fácil, e que vai ajudar MUITO a dar os próximos passos por aqui.

E se ainda não te convenci, quem responder a pesquisa vai ganhar um conteúdo exclusivo E inédito.

Vamos? É só clicar aqui.

Obrigada :)

está em busca de uma nova leitura?
tem livros de branding e marketing, tem biografias, desenvolvimento pessoal, ficção.
tem livros para todos os gostos, recomendados por mim e também por vocês.

todos os livros que já passaram pela Bits estão aqui, e a nossa estante coletiva está aqui.

como forma de contribuir ativamente para essa comunidade diversa e sempre antenada de mais de 7.000 profissionais, vamos passar a compartilhar vagas abertas por aqui.
se uma pessoa for recolocada graças a essa newsletter, já vai ter valido a pena.



Todas as vagas que chegaram até a Bits estão neste link.

Compartilhe para que aquele colega que está precisando possa encontrá-las.

dado o contexto, seguirei atualizando o link com todas as vagas que chegarem na caixa de entrada mesmo durante as férias.
se você tem vagas abertas e quer atrair gente boa e sempre ligada em novidades, pode mandar em beatriz@bitstobrands.com

Um espaço para conteúdo em outros formatos. Que nos últimos dois anos, também acumulamos bastante por aqui, graças a convites super especiais - que, aliás, são sempre bem-vindos :)

- Em formato de podcast:
1. Um debate com o pessoal do Brotherscast sobre as streaming wars - da época em que a Apple TV+ estava chegando, e a Disney+ era só um plano. É interessante perceber como várias questões que conversamos se desenrolaram até agora. Ouça aqui.

2. Novamente com o Brotherscast e dessa vez com o incrível Startup da Real, batemos um papo sobre newsletters. A do Star é paga, a minha é gratuita. Exploramos os diferentes modelos de negócios, processos criativos e o valor que essa plataforma tem criado para nós. Ouça aqui.

3. No Cultural Cast, falamos sobre Workism (ou "trabalhismo"), "a crença de que o trabalho não é apenas necessário para a economia, mas algo que se torna, cada vez mais, peça central da nossa identidade". Falei abertamente sobre a minha relação com o trabalho, a divisão de tempo entre o emprego e o projeto e aprendizados que a experiência (e muita terapia) trouxe. Ouça aqui.

- Em formato de palestra
Minha palestra no RD Summit 2019 sobre newsletter - seus diferenciais e dicas de como construir sua estratégia nesse formato - está disponível gratuitamente! É só se inscrever nesse link.

- Em formato de aula
1. Uma aula de 10 minutos sobre estratégia de produção de conteúdo por e-mail. Dicas práticas mesmo, para a comunidade da Moving Girls mas que podem ser úteis por aí também. Assista aqui.

2. Uma aula de 20 minutos a convite da Octadesk, sobre marcas na pandemia - estratégias e exemplos para inspirar novas ações. Assista aqui.

- Em formato de e-book
1. Glossário da Quarentena. 18 palavras que se tornaram parte do nosso dia a dia, e dizem muito sobre o mundo em que passamos a viver. Baixe .

2. Relatório de Tendências 2020. 6 grandes tendências mapeadas em fevereiro, que permanecem relevantes mesmo durante o tal ""novo normal"". Inclusive, todas elas têm tomado forma, seja na Mara (assistente virtual da AMARO) ou na briga entre XP e Itaú pela atenção dos investidores. Confira .

Se alguém te encaminhou essa newsletter e você quer receber direto na caixa de entrada toda semana, clique aqui: