Bits to Brands #58 | Pocket

Para você que chegou agora (alô pessoal da Rocking News!), uma edição "pocket" é aquela que não tem um textão na seção principal - mas vem completinha com as outras seções.

A dessa semana está nesse formato porque tivemos muito assunto. Teve mais um capítulo na novela WeWork, debates acalorados no Twitter sobre gente que cobra para os outros serem "melhores amigos", teve nova marca do Yahoo!, nova marca do Duolingo, teve a nossa reflexão sobre Amazon Prime rendendo, teve o Google Assistente num desfile de moda..

Então, para que você consiga ficar por dentro de tudo isso, essa seção hoje deixa espaço para uma curadoria de links mais longa que o normal. Boa leitura!

Por aqui, teve também uma novidade incrível para mim e para a Bits to Brands. Começa com RD e termina com Summit. Descubra no final. :)
- Beatriz

~ tudo que você precisa saber ~

num só lugar. filtrado, explicado e pronto para virar assunto na mesa do almoço.
compartilhe com os amigos

Temos Amazon Prime. E agora?
Esse foi o título da nossa última edição, que falou sobre o impacto que a chegada desse serviço vai ter no mercado brasileiro, e nas nossas vidas. E que agora também está disponível como artigo no Medium, para quem quiser compartilhar e ampliar a discussão nas redes sociais, a exemplo do Marcos.

Como surgiu o Google Images
Há 18 anos, por causa da Jennifer Lopez e um vestido Versace. Eu não conhecia essa história e estou fascinada! Ela ressurgiu essa semana depois do Google e da J. Lo terem feito uma participação especial num desfile da marca.

Seriam unicórnios (realmente) delírios coletivos?
Desde que anunciou seu IPO, a WeWork passou por uma bela saga. Essa semana, ela culminou no afastamento do CEO, Adam Neumann, e em muito (mas muito) debate sobre esse modelo de empresa. Assim como a Uber e a WeWork, as startups unicórnio tendem a se perder entre o potencial real do negócio e a extravagância da sua visão, que requer bilhões de dólares em investimento só para se manter de pé. Vale a reflexão.

Friends Forever - enquanto você puder pagar
Outra polêmica foi a da influenciadora que queria cobrar para um grupo seleto de seguidores se tornarem seus "melhores amigos". Para alguns, um retrato perfeito dos tempos distópicos que vivemos. Para outros, business as usual na economia da influência. Para nós que curtimos branding, será que o nome "melhores amigos" não cria uma falsa expectativa, e prejudica o potencial dessa feature?

Yahoo, Duolingo e suas novas marcas
Nas imagens abaixo tem o link para as análises do Brand New sobre cada uma dessas mudanças. Uma, original e cheia de personalidade. A outra deixou esses dois quesitos de lado em busca de simplificação. Vou deixar vocês adivinharem qual é qual.

Sonic Branding
Artigo interessante da JWT sobre como as marcas andam usando o som para complementar seus repertórios. Do som único do motor de um carro à experiências com ASMR.

E falando nisso..
Essa semana mesmo a Serasa Consumidor criou um vídeo ASMR de boletos pagos sendo rasgados. É tão genial quanto relaxante.

Quando o assunto é branding, um dos grandes segredos é saber equilibrar a metodologia clássica com as referências mais recentes.

Já que acabamos de falar de 'sound branding' com um viés super atual, segue um dos melhores embasamentos teóricos sobre o assunto.

"Brand Sense", do Martin Lindstrom, fala sobre como marcas constroem valor através de experiências sensoriais. Entre elas, o som. Foi um dos primeiros que eu li, e certamente me inspirou a seguir carreira nisso.

Uma das assinantes mais antigas da Bits to Brands, a Luiza, agora é empreendedora.

E mais do que isso, ela está empreendendo bem o tipo de negócio que tem tudo a ver com a gente - uma DNVB, de viagem!

O primeiro passo dessa nova marca é o Guia Além - uma série de conteúdos para viagens sem perrengue chique. Os produtos e uma loja física estão chegando!

PS: Se você produz conteúdo e quer aparecer nessa seção, responda esse e-mail com o seu projeto :)

A maior palestra da minha vida.

Dia 7 de novembro, estarei no maior evento de marketing e vendas da América Latina, apresentando o potencial e o valor das newsletters.

Dia 7 de novembro, estarei no mesmo evento que o Gary Vee, o Wil Reynolds, a Ann Handley, a Ana Couto, a Ju Wallauer, a Bia Granja, a Liliane Ferrari, o Peçanha, o Pedro Sobral, entre outros GIGANTESCOS nomes.

Dia 7 de novembro, estarei no RD Summit pela quarta vez, primeira como palestrante, vivendo um sonho que eu achava que era muito distante. Até criar esse projeto, apostar nesse formato e ter o apoio e a divulgação de cada um de vocês. Obrigada.

Para aqueles que já tem ingresso: favorite a minha palestra e não deixe de dar um oi!

Para aqueles que ainda não tem: consegui um link especial com mais de 100 reais de desconto nos day-pass ainda disponíveis. Corra pra comprar!

Nos vemos lá

Se alguém te encaminhou essa newsletter e você quer receber direto na caixa de entrada toda semana, clique aqui: